Halitose (mau hálito) Parte 2-2

A halitose deriva de produção bacteriana de compostos odoríferos. A prevenção ou tratamento de casos de gengivite e periodontite que possa ter pode revelar-se essencial na cura da halitose.
Estudos demonstram a capacidade que o zinco tem para reduzir a concentração de compostos sulfurados voláteis na boca. Pastas de dentes com zinco e bicarbonato de sódio diminuem sintomas de halitose. Um elixir bucal com cloreto de zinco também tem os mesmos efeitos benéficos.

A vitamina C (pessoas com periodontites têm muitas vezes insuficiência desta vitamina), a vitamina E, o selênio, o zinco, o ácido fólico têm mostrado reduzir a severidade ou mesmo tratar casos de gengivite.

Os efeitos potentes de alguns antissépticos bocais comerciais devem-se à inclusão de timol (do tomilho) e eukalyptol (eucalipto) e óleos voláteis que têm demonstrado eficacia antibacteriana.
O cravo, cominho, pimenta e sálvia, bem como mirra são eficazes no tratamento da halitose. Qualquer elixir bocal comercial ou feito em casa com estes ingredientes irá diminuir os níveis de enxofre causadores do mau cheiro da sua boca.

Halitose(mau hálito) Parte 1

Halitose(mau hálito) Parte 2

Remédios Naturais

RemédiosNaturais.info é uma publicação online de autores profissionais de saúde, nutricionistas e técnicos especialistas de diversas áreas de saúde.

Este Artigo Informativo Não Substitui o Aconselhamento Médico. Consulte Sempre Ajuda Profissional de Saúde Nas Suas Decisões