Candidiase Vaginal Recorrente

A candidíase é uma doença muito comum nas mulheres e ao contrário do que muitas pessoas acham não é devida à falta de higiene, bem pelo contrário. Muitas das mulheres que sofrem com candidíase vaginal recorrente têm bastante cuidado com a sua higiene intima.

 Embora esta seja uma doença bastante embaraçante, não é rara e afeta uma percentagem de mulheres muito elevada. E enquanto algumas infeções de candidíase duram apenas alguns dias, outras podem demorar semanas até os seus sintomas desaparecem por completo e voltam a atacar com muita frequência.

Normalmente as infeções de candidíase duram apenas alguns dias e são erradicadas pelo sistema imunológico naturalmente, mas em algumas vezes, a condição persiste. Para estas pessoas é muito importante começar um tratamento para a candidíase, de preferência natural, logo aos primeiros sintomas da doença, porque a candidíase recorrente pode afetar seriamente uma mulher. Também é a aconselhável a consulta com um medico pois esta doença pode ser sinal de outros problemas de saúde mais graves e que podem necessitar a atenção de um medico.

O fungo cândida é um fungo que se encontra normalmente presente no corpo em pequenas quantidades e que é muito abundante na natureza, mas que na maioria das pessoas não causa sintomas visíveis porque o sistema imunológico mantém o fungo sob controle. Mas quando o sistema imunológico enfraquece por qualquer motivo o fungo multiplica-se facilmente e causa os sintomas a que se dá o nome de candidiade, candidíase vaginal quando ela se manifesta nas partes intimas de uma mulher.

Outra causa muito comum para o aparecimento de sintomas de candidíase vaginal é as mudanças de PH. Um Ph normal na vagina mantém o fungo sob controlo, mas quando o PH por qualquer motivo baixa, o fungo consegue multiplicar-se mais facilmente e os sintomas aparecem. Normalmente esta mudança deve-se ao ciclo menstrual mensal da mulher que altera os níveis de acidez.

Outra das causas que mais contribuem para o aparecimento dos sintomas de candidíase é a toma de antibióticos para o tratamento de qualquer infeção bacteriana e que mata igualmente algumas das bactérias que constituem a nossa flora natural. Como algumas destas bactérias são responsáveis pelo controle dos fungos no organismo, onde se inclui o fungo cândida, a sua morte leva a uma multiplicação dos fungos presentes na vagina e dai ao aparecimento da doença.

Felizmente, a candidíase não é uma doença muito difícil de tratar. O tratamento da candidíase faz-se com um fungicida que pode ser de toma oral ou de aplicação direta na zona infetada. Embora os remédios químicos sejam eficientes no tratamento da candidíase a utilização de um tratamento natural é sempre aconselhável. Para saber mais sobre o tratamento da candidíase clique no link anterior.

Pedro Pinto
Webmaster dos sites medicina natural. Rremédios criados a partir de extratos vegetais, onde apresento informação sobre diversas doenças e sugestões de tratamentos naturais.

Este Artigo Informativo Não Substitui o Aconselhamento Médico. Consulte Sempre Ajuda Profissional de Saúde Nas Suas Decisões