Suplementos – Vitaminas e Minerais

A melhoria dos hábitos alimentares é a chave para a prevenção de doenças e a promoção de uma saúde com qualidade. Profissionais de saúde e cientistas reconhecem que suplementos vitamínicos podem ter um papel importante na dieta humana, especialmente se existirem deficiências vitamínicas ou minerais.

A evidência parece indicar que para alcançar e manter uma boa saúde, os micronutrientes essenciais devem ser obtidos pela alimentação, e podem ser complementados com suplemento vitamínico.

Estima-se que a incidência de casos de doenças cardíacas ou câncer (cancro), poderiam ter sido evitados através de uma dieta saudável, ou complementada temporariamente com vitaminas e minerais que estivessem em déficit. Segundo pesquisas, o uso de complemento multivitamínico faz sentido na sua função de suplemento e não como substituto de uma dieta equilibrada e variada.

Para que servem as vitaminas?

As vitaminas são essenciais para uma boa saúde.

A vitamina A ajuda a desenvolver e manter os tecidos do corpo, como ossos e pele, também ajuda a visão, o funcionamento do sistema nervoso, reprodutivo e funções de crescimento.

Os vegetais são ótimas opções ricas em nutrientes.

Os vegetais são ótimas opções ricas em nutrientes.


As vitaminas B são responsáveis pelo aumento da produção de gorduras, proteínas e carboidratos, bem como auxiliar no metabolismo, na construção de células vermelhas do sangue, e manter o sistema nervoso protegido.

A vitamina C ajuda a formar tecidos, células, ossos e dentes; cura feridas, e melhora o desempenho do sistema imunológico. Vitamina E protege as membranas das células que as tornam mais imunes, o reforço do sistema imunológico é potenciado, favorecendo o combate a doenças.

A vitamina K ajuda ao coágulo de sangue, incluindo em áreas feridos.

Os minerais também têm uma ampla gama de funções. Os minerais desempenham papéis importantes no organismo. “Micro minerais”, ou minerais que o corpo necessita de apenas vestígios, pode combater doenças graves. Estes incluem o cobre, iodo, cromo, ferro, flúor, estanho, zinco, níquel, vanádio, manganês, silício, molibdênio e selênio.
“Macro elementos minerais”, ou minerais que o corpo necessita de grandes quantidades incluem magnésio, sódio, potássio, cloro, fósforo, cálcio e enxofre.

O zinco é responsável por ajudar a metabolizar proteínas e manter o funcionamento das enzimas. O cobre é necessário por enzimas para metabolismo. O iodo auxilia a glândula tireoide em trabalhar corretamente. O cálcio e fósforo construir ossos e dentes. Ferro fornece oxigênio às células do corpo. O potássio ajuda a contração muscular, mantém o equilíbrio hídrico das células, ajuda a transmitir mensagens através dos nervos do corpo, e mantém os rins e coração funcionando corretamente.

Como se relacionam as vitaminas e os minerais?

Vitaminas e minerais não só ajudam o organismo funcionar, mas também trabalham para o reforçar. O corpo absorve o ferro com a ajuda da vitamina C. A vitamina D ajuda o organismo a absorver fósforo e cálcio. Vitaminas D e K são as vitaminas só o próprio corpo pode fornecer.
A pele gera vitamina D quando é exposto à luz solar. A vitamina K é produzida pelas bactérias intestinais. fontes externas devem abastecer o corpo com todas as outras vitaminas.

Categorias de vitaminas

Vitaminas solúveis em água são transportados e armazenados por todo o corpo por
água. Essas vitaminas necessidade de reposição diária, porque eles estão perdidos nos
fluidos corporais como o suor e urina.
Vitaminas solúveis em água incluem folacina (ácido fólico), biotina, ácido pantotênico, tiamina (B1), riboflavina (B2), niacina (B3), piridoxina (B6) e cianocobalamina (B12).

Vitaminas lipossolúveis – As vitaminas, como A (retinol), D (calciferol), E (d-
alfa-tocoferol) e K (menaquinona), são conduzidos por gorduras localizadas na corrente
sangüínea. Como a gordura é melhor do que armazena água, é menos crítico quando a ingestão dessas vitaminas é interrompida quando a ingestão de vitamina solúvel em água é interrompido.
No entanto, quando quantidades excessivas dessas vitaminas sejam tomadas, os níveis tóxicos podem tornar-se presente no corpo.

Vitaminas e minerais como suplementos

O uso de vitaminas é comum em consumidores que a utilizam como uma forma de suplementação vitamínica ou mineral.
Alguns nutricionistas defendem que a ideia de tomar comprimidos para substituir uma dieta
saudável pode fazer sentido temporariamente.
As vitaminas não devem ser usadas em substituição a uma dieta saudável, mas sim como suplementar dietético.

Uma dieta deficitária de porções essenciais de vegetais, como comer fruta diariamente ou consumir 3 a 5 porções de legumes por dia, a quantidade recomendada.

Para quem não está a receber os nutrientes necessários através da dieta natural, o consumo do suplemento temporariamente é melhor do que nada.

Remédios Naturais
RemédiosNaturais.info é uma publicação online de autores profissionais de saúde, nutricionistas e técnicos especialistas de diversas áreas de saúde.

Este Artigo Informativo Não Substitui o Aconselhamento Médico. Consulte Sempre Ajuda Profissional de Saúde Nas Suas Decisões